imagem-
09-01-2020 Potencial mineiro do Namibe deve transformar-se em riqueza

O ministro dos Recursos Minerais e Petróleos, Diamantino Azevedo, defendeu em Moçamedes, a necessidade de se transformar o potencial mineiro da província do Namibe em riqueza real.

Ao falar na abertura do workshop, que decorre nesta quarta-feira na cidade de Moçamedes, o governante referiu para o efeito a necessidade da realização de um estudo sobre o potencial da região.

Tal estudo, segundo o ministro, requer capital, daí a necessidade da intervenção do estado e do empresariado nacional.

Quanto ao projecto minero-siderúrgico de Cassinga, situado na localidade da Jamba mineira da Huíla, o ministro sublinhou que, embora o recurso mineral se encontra na província da Huíla, será ecoado a partir do Porto Mineiro do Sacomar (Moçâmedes).

Por isso, defendeu a criação de infra-estruturas industriais e de logísticas na província do Namibe, para a transformação do minério de ferro em aço.

Explicou ser objectivo do workshop apresentação do potencial da província, com base os estudos anteriores, actuais e outros estudos a serem feitos no amplo do plano nacional de geologia.

 Estão em abordagem temas sobre licenciamento, legislação e  cadastro mineiro e os projectos em implementação.

No domínio petrolífero, a Agência Nacional de Petróleo e Gás vai abordar sobre o potencial hidrocarbonetos da província do Namibe e os passos dados relativos à licitação de blocos de petróleo na província.

Fonte: Angop